FIM!!!...OBRIGADA POR TODO O CARINHO DEMONSTRADO AO LONGO DESTES ANOS...,Beijinhos"
Que Bem Cheira A Maresia

21.1.05

O Fado Do Blog


[História trágica da Desgraçadinha Minhota a mais o Desgraçado do Mouro]



Para os lados de Braga
Havia uma desgraçadinha
cuja a vida era uma praga
Por causa do blog que tinha

Depois havia o Mouro
Tão desgraçado , coitado
Que lhe faltava o decoro
P'ra resolver este fado

E andavam os dois à toa
Com esta brincadeira
Não há música que soa
Nem um site aqui à beira



(refrão)

ai o fado do blog
Quem dera que fosse manso
Mas não há quem o dobre
Nem a paciência de um santo



Depois de muito lutarem
Desgraçadinhos da vida
Ainda lhes deu p'a andarem
Na má vida e na bebida


Foram rezar à igreja
Até falaram c'o padre
Veja lá se lhe sobeja
Uma música, ó compadre

E o padre respondeu
Vá de retro Satanás
A música aqui sou eu
O blog é lá atrás


(refrão)

ai o fado do blog
Quem dera que fosse manso
Mas não há quem o dobre
Nem a paciência de um santo

Letra: Mar Revolto e Pedro Emanuel

[Alguém nos dá música? Opsss..., alguém nos oferece a música?]




Posted by Que Bem Cheira A Maresia :: 21.1.05 :: 0 Comments:

Comentar Aqui/

Ou aqui

-------------------------------------